[bula] FORTEKOR 5 NOVARTIS SAÚDE ANIMAL LTDA

Caninos  Felinos

Fórmula:
Cada comprimido contém:
Cloridrato de benazepril ............ 5 mg
Excipiente q.s.p ....................... 192 mg



Indicações:
FORTEKOR é indicado para o tratamento da insuficiência cardíaca congestiva em cães e insuficiência renal crônica em gatos. Após a administração oral o benazepril é rapidamente absorvido a partir do trato intestinal e hidrolizado na sua forma benazeprilato, um metabólito altamente específico e potente inibidor da enzima conversora da angiotensina (ECA). FORTEKOR produz uma inibição significativa da ECA plasmática por mais de 24 horas após a administração de dose única.
A inibição da ECA leva a uma redução de conversão da Angiotensina I inativa, em Angiotensina II ativa, determinando a redução dos efeitos mediados pela última, tais como, vasoconstrição das artérias e veias e a retenção de sódio e água pelos rins.
Em cães com insuficiência cardíaca congestiva, a administração de FORTEKOR reduz a pressão sangüínea e o volume de carga sobre o coração. FORTEKOR induz a um significativo aumento da expectativa de vida de cães com insuficiência cardíaca congestiva, sob condições clínicas muito mais favoráveis, tal como, redução da tosse e com uma melhor qualidade de vida. Ao contrário do que ocorre com outros inibidores da ECA, benazepril é excretado pelas vias biliar e urinária, de modo que não se faz necessário o ajuste de dose para o tratamento de animais com insuficiência renal.
Em gatos com insuficiência renal crônica FORTEKOR reduz a perda de proteína pela urina e diminui a pressão sangüínea intraglomerular. FORTEKOR aumenta o apetite, a qualidade de vida e alonga o tempo de vida de gatos, particularmente em casos de doença em estado avançado.

Dosagem:
Insuficiência cardíaca congestiva em cães:
A dose recomendada é de 0,25 a 0,50 mg de benazepril para cada kg de peso corporal, administrada por via oral, uma vez ao dia, de acordo com o seguinte esquema:

Peso Dose padrão Dose dupla
5 a 10 kg 1/2 comp. 1 comp
11 a 20 kg 1 comp. 2 comp.

FORTEKOR pode ser administrado com ou sem alimento.
A duração do tratamento é ilimitada. Sob o critério do médico veterinário a dose pode ser dobrada, mas, mesmo assim, deve ser administrada apenas uma vez ao dia.
FORTEKOR pode ser administrado em combinação com digoxina, diuréticos e drogas anti-arritmicas quando necessário.
Insuficiência renal crônica em gatos:
A dose recomendada é de 0,5 mg de cloridrato de benazepril, por kg de peso corporal, administrada por via oral uma vez ao dia, de acordo com a seguinte recomendação:

Peso
2,5 a 5 kg 1/2 comp.
5 a 10 kg 1 comp.

FORTEKOR pode ser administrado com ou sem alimento. A duração do tratamento é ilimitada.

Administração:
Via oral, uma vez ao dia.

Precauções:
Cães:
Sinais de hipotensão, como cansaço, tonturas, são raros, mas podem aparecer. Nestes casos pode ser necessário reduzir a dose do diurético.
Pode ocorrer interação com a droga espironolactona.
FORTEKOR não é recomendado para animais de reprodução e cadelas prenhas ou em lactação. Esses animais somente deverão ser tratados se o risco/benefício for considerado justificável.
Não tratar animais que apresentem evidência de falha cardíaca devido a estenose da válvula aórtica.
Toda vez que meio comprimido for guardado, o mesmo deve ser mantido dentro do frasco.
Gatos:
FORTEKOR pode aumentar a concentração da creatinina plasmática ao início do tratamento. O efeito terapêutico do produto, está relacionado com a redução da pressão sangüínea, entretanto o desaparecimento dos sintomas não é indicativo para suspender o tratamento.
FORTEKOR não é recomendado para gatas reprodutoras ou prenhes ou animais em lactação.
Informações complementares:
Não foram observadas evidências de toxicidade renal com FORTEKOR durante os testes clínicos do produto.
A excreção via biliar significa que existe um risco muito baixo de bioacumulação em cães com insuficiência renal. Contudo como é a rotina nestes casos, é recomendável se monitorar as concentrações de uréia e creatinina plasmática de cães com insuficiência renal.
Inibidores de ECA tem sido empregados no tratamento de insuficiência cardíaca em gatos.

Apresentação:
Frasco de plástico contendo 30 comprimidos.

Classe Terapêutica:
OUTROS

Princípio(s) Ativo(s):
BENAZEPRIL

Registro no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento:
6.059/97

Responsável Técnico:
Denis Frota Daflon - CRMV: SP 23802

Serviço de Atendimento ao Consumidor:
0800 888 8280
Página inicial

Bulário Vet