[bula] LEIVASAN

LEIVAS LEITE S/A INDÚSTRIAS QUÍMICAS E BIOLÓGICAS

 Bovino  Caninos  Eqüinos  Ovinos

Fórmula:
COMPOSIÇÃO: Cada 100mL contém:
Aceturato de diminazeno............................................7,0 g
Phenazona................................................................37,5 g
Água para injeção ........ q.s.p. ................................100,0 mL






Indicações:
Composto quimioterápico para o controle do Piroplasma (babesiose) e Tripanossoma (tripanossomíase).
Efetivo contra a tristeza parasitária (babesiose) em bovinos, eqüinos, ovinos e caninos com uma única dose de 3,5 mg/kg de peso, desaparecendo rapidamente os sinais clínicos da doença, promovendo uma recuperação rápida sem risco de recidiva. É também efetivo em dosagem similar contra o Tripanossoma (Mal das Cadeiras).

Dosagem:
DOSAGEM E APLICAÇÃO: 3,5 mg (0,05mL) de Aceturato de Diminazeno por kg de peso corporal em injeção intramuscular, de acordo com a tabela abaixo:
Peso do animal..................LEIVASAN
20 kg...................................1,00 mL
25 kg...................................1,25 mL
50 kg..................................2,50 mL
100 kg.................................5,00 mL
200 kg...............................10,00 mL
300 kg...............................15,00 mL
500 kg...............................25,00 mL
800 kg...............................40,00 mL
1100 kg.............................55,00 mL
Dose máxima: 55,00 mL
No tratamento específico contra T. brucei a dose indicada é de 7,00 mg (0,1 mL) de Aceturato de Diminazeno por kg de peso corporal.
OBSERVAÇÃO: mesmo em animais em estado adiantado da doença, associado à hematúria, como também em casos resistentes a outros medicamentos, a resposta tem sido favorável ao LEIVASAN.

Administração:
Via intramuscular

Precauções:
TOXICIDADE: em bovinos, foram aplicadas doses 6 vezes maiores que a indicada sem ter sido observado nenhum sinal de efeito tóxico. Em dosess terapêuticas, o Aceturato de Diminazeno não tem produzido qualquer reação secundária. O tratamento tem sido bem tolerado inclusive por animais novos ou fracos, não tem prejudicado a produção de leite. Em raros casos, a injeção pode produzir uma pequena reação local que pode ser negligenciada por ser leve e de curta duração.

CONTRA-INDICAÇÃO: LEIVASAN não deve ser utilizado por via endovenosa, pois pode produzir a queda temporária da pressão sangüínea podendo levar ao colapso.

Apresentação:
Frascos com 20mL, 30mL, 50mL e 100mL.


Classe Terapêutica:
ENDOPARASITICIDAS (ANTI-PARASITÁRIOS)

Princípio(s) Ativo(s):
DIMINAZENO

Registro no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento:
2951

Responsável Técnico:
Farmacêutico Paulo Chaves Garcia Leite - CRMV: CRF/RS nº 494

Serviço de Atendimento ao Consumidor:
(53) 3225 3666